RD Congo: Combate da sida enfraquecido


As epidemias constituem um desafio na República Democrática do Congo, devido à falta de investimento na saúde. Suspensão de financiamentos enfraquece o combate da SIDA.
 
Na RD Congo, apenas 12 por cento dos pacientes infectados com o vírus do HIV recebem o tratamento antirretroviral (conhecido por ARV). Também, 95 por cento das mulheres grávidas infectadas não têm acesso aos cuidados necessários para impedir a transmissão vertical, isto é, da mãe para a criança. As medidas nacionais de prevenção da doença são extremamente fracas, alertam os Médicos Sem Fronteiras.O país enfrenta sérias dificuldades no que respeita aos recursos para o combate da doença. O Banco Mundial suspendeu o financiamento de programas de luta contra a SIDA. O Fundo Global, que se assumia como o maior financiador do combate do HIV/SIDA, atravessa uma grave crise, decorrente da diminuição dos recursos  financeiros disponibilizados pelos países doadores. Inúmeras agências trabalham com recursos muito limitados, garantem os Médicos Sem Fronteiras.

Devido à diminuição do financiamento, 10 mil doentes da RD Congo podem ficar sem tratamento. A situação ameaça os progressos conseguidos desde a implementação dos ARV no país. Além da SIDA, o país enfrenta outras graves epidemias como a malária, que é a principal causa de morte, o sarampo, a cólera e a doença do sono.

Cristina Santos/Fátima Missionária – 04.12.2011

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

  • Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

    Junte-se a 24 outros seguidores

%d bloggers like this: