Moçambique: UNIZAMBEZE avança com investigação científica


A Faculdade de Ciências de Saúde da Universidade do Zambeze (UNIZAMBEZE), na cidade de Tete, centro de Moçambique, vai iniciar próximo ano investigação científica sobre doenças que afligem a sociedade e de plantas medicinais.

De acordo com o director da faculdade, Custódio Boane, os docentes daquela faculdade tencionam realizar investigação científica sobre doenças tais como o HIV/SIDA, parasitoses intestinais, cárie dentária e outras doenças da boca.

A investigação de plantas medicinais será realizada em parceria com a Universidade Livre de Lisboa.

“Há interesse de estudar plantas medicinais para apurar as suas propriedades curativas e aplicação na produção de medicamentos. Este trabalho poderá ser realizado em parceria com a Universidade Livre de Lisboa. Actualmente, estamos na fase de troca de informação entre docentes das duas instituições” disse.

Boane falava a imprensa na cidade de Tete, na terça-feira, durante uma visita àquela instituição.

Segundo Boane, a actividade de investigação científica naquela faculdade está numa fase embrionária.

Actualmente, o HIV/SIDA constitui uma das maiores preocupações do governo moçambicano, infectando diariamente centenas de pessoas, particularmente adultos e jovens. Um dos impactos da doença são as várias centenas de crianças órfãs e em situação difícil.

As parasitoses intestinais constituem outro problema de saúde no país e afectam sobretudo crianças. No que se refere às cáries e doenças da boca, prevalecem vários problemas, sobretudo em crianças que ainda não sabem cuidar da sua higiene oral, embora existam muitos adultos nessa situação.

Moçambique é rico em plantas medicinais, geralmente usadas pelos médicos tradicionais para o tratamento de várias doenças. Infelizmente, existem poucos estudos científicos sobre as suas propriedades e seu real potencial. A falta de recursos para a investigação científica é apontada como a principal causa.

“Não temos recursos para a realização de investigação científica. Como instituição pública de ensino superior recebemos recursos do Orçamento do Estado, que não contempla a investigação científica” disse Boane

Refira-se que a investigação científica, a par com a formação, constitui uma actividade fundamental das instituições do ensino superior na produção de conhecimento e busca de soluções para os problemas que enfermam a sociedade.

Esta actividade é ainda incipiente na maioria das instituições de ensino superior nacionais devido à falta de recursos. Para ultrapassar estes constrangimentos e cumprir a sua missão, a UNIZAMBEZE vai procurar fontes alternativas de financiamento.

“Vamos usar os recursos nacionais disponíveis, tais como fundos de investigação científica disponibilizados pelo Ministério da Ciência e Tecnologia. Para o efeito, vamos concorrer a esses fundos. Na nossa colaboração e parceria com as instituições de investigação e de ensino superior nacionais e estrangeiras contemplamos, igualmente, este aspecto de fundos de investigação, equipamento e laboratórios de ensino e de pesquisa” explicou.

Criada pelo Conselho de Ministros, através do decreto 77/2007 de 18 de Dezembro, a UNIZAMBEZE é uma instituição pública de ensino superior para a zona centro do país.

A sede da UNIZAMBEZE está na cidade da Beira, província de Sofala, mas possui várias faculdades nas províncias da zona centro.

Na cidade da Beira, capital da província de Sofala, funcionam as faculdades de ciências sociais e humanidades e de ciências e tecnologia, em Manica (Chimoio), a faculdade de engenharia ambiental e dos recursos naturais, na Zambézia (Mocuba), a faculdade de engenharia agronómica e florestal e em Tete, na cidade do mesmo nome a faculdade de ciências de saúde e em Ulónguè, a de ciências agrárias.

A universidade conta actualmente com um total de 3.351 estudantes, distribuídos em 21 cursos e com um efectivo de 188 docentes.

AIM – 03.11.2011

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

  • Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

    Junte-se a 24 outros seguidores

%d bloggers like this: