Lisboa preocupada com o VIH


E agora um assunto sério: depois de uma fase de acalmia, o vírus da sida volta a ser uma das maiores ameaças na Europa e nos EUA, de acordo com números recentes na ONU. Um dos grupos mais expostos é o dos homens bi e homossexuais.

Foi por isso que a Organização não Governamental GAT, que trabalha com seropositivos, inaugurou em Abril o Checkpoint LX, primeiro espaço em Portugal para testes rápidos ao VIH especialmente pensado para bi e homossexuais (Travessa do Monte do Carmo, Príncipe Real, 91 069 3158).

Outros centros do género podem abrir brevemente em Lisboa e na Amadora, adiana o presidente do GAT, Luís Mendão. Desta vez, a pensar noutros grupos vulneráveis: utilizadores de drogas, migrantes e trabalhadores do sexo.

São centros da responsabilidade de diversas ONG, incluíndo o GAT. Candidataram-se a subsídios (programa ADIS/Sida, do Ministério da Saúde). Os resultados saem no fim deste mês, segundo Luís Mendão, e os centros podem abrir já em Janeiro de 2012.

TIME OUT LISBOA – 18.10.2011

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

  • Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

    Junte-se a 24 outros seguidores

%d bloggers like this: